16 CONSTRUCTION

IMI – taxa agravada (7,5% / ano)

José Freitas 5 de jan. de 2024

A Autoridade Tributária divulgou recentemente a sua interpretação relativa à taxa agravada de IMI aplicável a imóveis propriedade de sociedades dominadas ou controladas, direta ou indiretamente, por entidade que tenha domicílio fiscal em país, território ou região sujeito a um regime fiscal mais favorável, constante de lista aprovada por portaria do Ministro das Finanças.  

Neste conjunto de documentos recentemente disponibilizados, a Autoridade Tributária argumenta que, entre outros casos, a taxa agravada é aplicável mesmo no caso em que a “entidade que tenha domicílio fiscal em país, território ou região sujeito a um regime fiscal mais favorável” é uma pessoa singular. 

Em nossa opinião, essa interpretação não está em conformidade com a lei.  

No entanto, a nossa recomendação é que as empresas que possuam imóveis localizados em Portugal reexaminem as suas estruturas societárias. 

O Código do Imposto sobre Imóveis em Portugal prevê uma taxa agravada de 7,5% ao ano, aplicável sobre o valor patrimonial tributário, quando dois requisitos cumulativos são verificados: 

  • Uma entidade possui imóveis em Portugal
  • Essa entidade é dominada ou controlada, direta ou indiretamente, por uma entidade que tenha domicílio fiscal em país, território ou região sujeito a um regime fiscal mais favorável, constante de lista aprovada por portaria do Ministro das Finanças

Para este propósito, considera-se existir uma relação de domínio quando uma entidade (a dominante) pode exercer, diretamente ou por sociedades ou pessoas que preencham os requisitos indicados no artigo 483.º, n.º 2 do Código das Sociedades Comerciais, sobre a outra, dita dependente, uma influência dominante.  

Presume-se que uma sociedade é dependente de uma outra se esta, direta ou indiretamente: 

  • Detém uma participação maioritária no capital
  • Dispõe de mais de metade dos votos
  • Tem a possibilidade de designar mais de metade dos membros do órgão de administração ou do órgão de fiscalização

Related content

Article Tax
José Freitas • 27 de mar. de 2024
Article Governance Risk & Compliance
Rafael Nunes • 8 de mar. de 2024
Article Tax
Tiago Almeida Veloso • 19 de fev. de 2024
Article Tax
João Pina • 4 de mai. de 2023
Conectado globalmente, apoiando localmente
Contactos